Sentido da vida é ajudar


Quando a FBT ainda era apenas uma ação entre amigos, por volta de 2011, e Cristina Faviere, naquele tempo estava começando seu trabalho de voluntariado em uma instituição de atende crianças deficientes, recebeu o pedido de uma mãe. “Ela pediu uma cadeira de rodas para o filho. Eu não tinha como ajudar, mas sabia de alguém que poderia”, relata. Este alguém é Charles Bsaibes, que juntamente com sua esposa Simone, se recorda com emoção de ter sido o primeiro doador da FBT, que mais tarde viria a se tornar uma ONG.

“Sou amigo da Cris há mais de 20 anos. Fui o primeiro a doar uma cadeira e hoje fico encantando ao

ver tantas pessoas se unirem em prol dos cadeirantes. Esse trabalho que nós fazemos, que todos os colaboradores fazem, contribui para mudar a vida de muitas crianças”, disse Charles. Como membro do Rotary Clube, ele participa de outras ações sociais para a comunidade. “Acredito que o sentido da vida é ajudar o próximo”, disse ele durante sua participação na Feijoada Beneficente no Bar Brahma, realizada no dia 16 de junho, em São Paulo.

Simone Bsaibes também se recorda dos primeiros passos da FBT. “A Cris é uma pessoa fantástica, ela está sempre muito disposta a ajudar as pessoas, principalmente, as crianças com necessidades especiais. Esse trabalho começou lá atrás, como uma sementinha, reunindo os amigos. Estamos felizes em ter ajudado esse sonho a se tornar realidade”, disse. Para Simone, o Estado não consegue suprir todas as necessidades da população e, por isso, as pessoas devem se ajudar. “Não adianta viver em uma redoma de vidro, tem de olhar ao redor e ver as pessoas, tendo suas necessidades atendidas. E esse é o potencial que a FBT tem hoje”, disse.


Fonte: FBT | Texto: Márcia Alves | Foto: Carlos Candido

#FBT #CristinaFaviere #BarBrahma #MárciaAlves #CarlosCandido #CharlesBsaíbes

Posts Em Destaque
Posts Recentes